Falar ‘então” durante uma conversa real eu até entendo e tolero, apesar de achar horrível. Ok, é um artefato para pensar no que vai dizer, introdução, etc. Agora, escrever “então” para iniciar uma frase?! PQP! Isso faz tanto sentido quanto eu reclamando disso no feriado.